terça-feira, 23 de novembro de 2010

Criação de Ganso


INÍCIO

Há várias criações de diferentes raças de gansos, o que amplia o leque de escolha de exemplares para iniciar a atividade. Porém, é importante ter referências do vendedor. Pode-se começar com apenas um casal, mas antes da compra leve em consideração se o objetivo é desenvolver os animais para ornamentação, produção de carne, ovos ou extração das penas.

AMBIENTE

Não há exigências para o local de criação de gansos. Eles vivem bem sob diferentes climas e em espaços pequenos e simples. No entanto, recomenda-se uma área com proteção contra sol e chuva, para o conforto dos animais, e outra de pasto e água, para alimentação e banho, respectivamente.

ESTRUTURA

O viveiro para criação de raça pura não precisa ser sofisticado. Monte um cercado de tela de arame, com 3 metros por 4 metros e 1,5 metro de altura. Dentro dele, construa um abrigo de 1,5 metro quadrado e cubra com telha de barro. Também disponibilize um ninho, que pode ser feito com sobras de madeira. Uma opção prática é aproveitar pneus velhos.

CUIDADOS

Como as gansas de raça pura não possuem instinto materno, é necessário cuidar dos ovos. Guarde-os inclinados e com a parte pontuda para baixo em lugar seco e com temperatura de 22 graus. Diariamente, incline cada um para o lado oposto para que a gema não grude na casca. Após dez dias, inicia-se a fase da choca. Amas, como galinha, pata ou perua, e chocadeiras elétricas são opções que dão bons resultados.
BANHO - Aves aquáticas, os gansos gostam de se banhar desde filhotes. Mas os gansinhos só devem entrar na água depois de completar 40 dias e contar com penas em 80% do corpo. Uma área, de 1 metro quadrado e com 20 centímetros ou mais de profundidade, é o bastante para a diversão das aves. A boa fertilidade dos ovos também é atribuída ao acasalamento na água.
ALIMENTAÇÃO - Os gansos são herbívoros. Pastam capim, comem folhas verdes, legumes, frutas, grãos e batata. Também se alimentam de casca de mamão, além de ervas, caracóis e minhocas que se encontram no solo. Gostam de pão amanhecido e devem receber ração de acordo com a faixa de idade.
REPRODUÇÃO - A partir dos oito meses e até os oitos anos de vida, os gansos estão aptos a procriar. Em geral, no primeiro ano, botam de 20 a 30 ovos, quantidade que pode se elevar no ano seguinte. O período de reprodução se concentra nos meses entre julho e dezembro, com postura de um ovo a cada dois dias por ave.

CUSTO INICIAL
Filhotes custam a partir de 40 reais

CRIAÇÃO MÍNIMA
Um casal

INVESTIMENTO INICIAL
80 reais a dupla de aves e mais 20 a 30 reais a ração para o primeiro mês

RETORNO
De oito meses a um ano

REPRODUÇÃO
Em média, 20 ovos no primeiro ano divididos em duas posturas, que ocorrem entre julho e dezembro

Fonte:http://revistagloborural.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário